cães os cães os caes cão cao cachorros artigos I como cuidar I fotos I vídeos I links I saúde do seu cão I adote I contato cachorroscães
Os Cães Conheça: Os Vinhos.com.br

 

  Busca no site

 

 

Artigos sobre cães

combater pulgas em cachorros 

É raro encontrar um animal que ainda não tenha tido pulgas. E normalmente é difícil acabar com elas. As pulgas se reproduzem com facilidade e em uma velocidade surpreendente e se a infestação não for combatida logo no início, o problema toma proporções assustadoras. (mais abaixo)

 

Para se combater pulgas em cachorros, é importante entender como esses parasitas vivem e se reproduzem. Há pessoas que chegam a intoxicar seu cão ou gato com produtos inseticidas, e as pulgas continuam vivas. O controle de parasitas periódico e fundamental para se ter um animal saudável.

Como a casa ficou infestada de pulgas e eu não senti nenhuma
picada?

Existem espécies de pulgas que atacam humanos e outras que picam animais. A pulga de cães e gatos não vai atacar muito pessoas enquanto ela tiver à disposição uma fonte de alimento específica. Assim, quem sofre é o animal, e o processo é tão rápido que quando você pára pra observar mais atentamente, seu cão estará se coçando muito, principalmente na região do abdome (barriga) e em volta do ânus e cauda. Grandes infestações de pulgas no ambiente fazem com que elas, na falta de alimento suficiente, passem a picar também as pessoas da casa.

Resumindo, como esse tipo de pulga só ataca animais, o problema passa despercebido e, quando é descoberto, já tomou grandes proporções com a infestação do ambiente.

Como acabar com essa praga?

Já vimos que o problema não é apenas o cão. Para avaliarmos a extensão da infestação, faça um simples teste. Dê um banho anti-pulgas no seu animal e procure certificar-se que foram mortas todas as pulgas. Após secá-lo bem, solte-o na casa mas não o leve para a rua. Uma hora mais tarde, verifique se seu cão está com pulgas. Veja algumas dicas para combater pulgas e considere:

Nenhuma, uma ou duas pulgas encontradas

Seu cão tinha uma pequena infestação e provavelmente pegou em
um passeio. Nesse caso, o ambiente ainda não está infestado.

Várias pulgas foram encontradas

Sua casa possui um ou mais focos de pulga. O ambiente precisará ser tratado, assim como o cão.

Sabendo agora o nível de infestação do cão e da casa, tomam-se as medidas necessárias.

Na casa

Dedetização, duas aplicações com intervalos de três a quatro semanas, ou uso semanal, no ambiente, de produtos anti-pulgas da linha veterinária (consulte seu veterinário), até acabar com a infestação.

No caso de optar por uma empresa que faça a dedetização, procure retirar o animal do local por 48 horas no mínimo.

No cão

Banhos anti-pulga semanais e aplicação de produtos anti-pulga tópicos de longa duração, a critério de seu veterinário.

Banhos anti-pulgas freqüentes.

Uso de produtos anti-pulga de longa duração em gotas para aplicar topicamente, spray ou por via oral (comprimidos).

Para saber mais sobre o assunto, leia também:
Pulgas em cachorros
Dicas para Combater Pulgas
Controle de parasitas

Compartilhe  

combater pulgas em cachorros 
FIQUE LIGADO
Os cães se infestam de pulgas nas ruas, mas essa, normalmente, é uma infestação pequena. Essas pulgas são, naturalmente, levadas para casa e lá encontram muitos locais para desova (postura dos ovos). foto: Viviane Koppe




 

política de privacidade contato

OsCaes.com.br - Todos os direitos reservados © 2012